8 dicas para se tornar um escritor / escritora de sucesso

Fanfic é bom para passar o tempo, se desligar um pouco, ou – se você é um escritor especialmente auspicioso – ganhará uma tonelada de dinheiro. É que supostamente ganhou cerca de US$ 80 milhões, graças a 50 Tons de Cinza.

Então, o que é preciso para transformar fanfic em uma fábrica de dinheiro? Vamos a algumas dicas:

1. Escreva sobre celebridades, filmes ou personagens que você ama – mas certifique-se de que seu assunto tenha apelo de massa.

Anna Todd adora Tom Hanks, mas um romance acalorado que o caracteriza como o protagonista mal-intencionado não teria tanto apelo quanto um protagonizado por um personagem inspirado no One Directioon. Veja qual o assunto tem um enorme número de seguidores online, quanto maior a quantidade de fãs é mais fácil atingir o sucesso, principalmente com fanfics.

2. Não gaste muito tempo inventando a História Mais Original de Todos os Tempos. Apenas comece a escrever.

O sucesso da sua história não depende de reinventar a roda, depende de você colocar seu trabalho lá fora. As mesmas histórias foram escritas de novo e de novo. Quantas variações de uma história de sucesso foram trazidas ao longo dos anos? Mas ainda é algo que as pessoas acham atraente e interessante. Se você mantiver os leitores grudados na tela ou estabelecer um universo alternativo excitante – significa que você está explorando o que pode acontecer se algumas mudanças forem feitas tornando a história existente novamente – seu público ficará com você.

3. Prove que você é um verdadeiro fã

Você precisa mostrar que você é parte da “tribo” sobre a qual está escrevendo. Acompanhe as notícias que cercam seu universo e insira referências a esses momentos em suas tramas. Quando a One Direction lançou um vídeo da banda trabalhando, por exemplo, Todd definiu o próximo capítulo de sua série em uma academia, dessa forma ela poderia descrever o que Harry fazia em seu set de filmagens. Esses tipos de gatilhos são muito válidos para o seu público.

4. Dito isso, escreva uma história universal.

Se você quer que sua fanfic alcance uma audiência massiva, ela não pode depender do conhecimento extenso de Hogwarts. Desculpa rs rs rs.

5. Atualize regularmente.

Não precisa ser todos os dias, mas precisa estar em um cronograma definido. Descobrir o seu e cumpri-lo.

6. Faça outros escritores se sentirem especiais.

Se você usar um site como o Fanfics Brasil apenas como uma plataforma para suas histórias, levará muito tempo para as pessoas encontrarem seu trabalho. Você precisa fazer conexões e construir uma rede. Então interaja com o trabalho de outras pessoas (desde que você realmente goste), responda os comentários da sua fanfic, recomende as histórias deles no final do seu trabalho. Eles serão mais propensos a retribuir o favor.

7. Faça seus fãs se sentirem especiais também.

Mesmo se você tiver apenas 20 no começo, interaja com eles. Responda as mensagens. Eles ficam felizes quando o autor(a) faz algo tão simples como adicionar como amigo. Isso vai marcando o seu leitor, eles tiram screenshots, enviam para os amigos. Esse tipo de reconhecimento é muito importante para os fãs. Antes que você perceba, você terá 200 seguidores, depois 2.000 e assim por diante.

8. Mostre suas estatísticas para agentes e editores.

Depois de todo esse trabalho, você acha que a popularidade de sua fanfic pode ser suficiente para atrair uma editora. Você pode encontrar o editor de um livro em sua primeira página, e os agentes e editores geralmente são mencionados por nome na seção de agradecimentos de um livro. Então o que? Você deve telefonar ou enviar e-mail para essas pessoas? Sim, mas isso pode não te levar muito longe.

Dica valiosa: siga-os no Twitter (a maioria dos editores e agentes estão nas redes sociais), veja se eles participarão de convenções de fãs ou se participarão de algum evento de autógrafos. Eventos como esses são sua chance de construir uma rede – e exibir estatísticas. Uma coisa que os escritores de fanfic têm são os dados. Você diz a eles quantas leituras você tem, quantos seguidores você tem, onde você está escrevendo e mostre a eles que você tem essa rede que você conseguiu construir.

Agora, vá, construa sua rede. E o mais importante: comece a escrever.

Feliz dia do leitor

Parabéns a todos os leitores(as) de fanfics pelo dia do leitor e principalmente aos criadores de conteúdo que proporcionam uma boa leitura.

dia do leitor

Você Conhece a Origem do Dia do Leitor?

O Dia do Leitor foi criado em homenagem à fundação do jornal cearense O POVO Online, criado em 7 de janeiro de 1928, pelo poeta e jornalista Demócrito Rocha.

Neste jornal, que ficou conhecido por combater a corrupção e divulgar fatos políticos, existia um suplemento chamado “Maracajá” que se tornou um espaço de divulgação do movimento modernista literário cearense na época.

Quem foi Demócrito Rocha?

Dentista, funcionário dos Correios e telégrafos, intelectual, deputado federal e jornalista combativo, fundou, em 1929, o órgão literário Maracajá, tido na terra de Alencar como a “revista literária que o paladino e trincheira do movimento modernista no Ceará”.

Quando Demócrito Rocha fundou o jornal diário O Povo, que se transformaria numa espécie de cartão de visita do Ceará, o Maracajá passou a circular como um dos seus suplementos. Por um lado, O Povo combatia os “desregramentos políticos da época”, e por outro, o Maracajá abrigava a produção dos poetas e intelectuais da terra, onde o próprio Demócrito Rocha publicou a maioria de seus poemas, curiosamente sempre assinados com o pseudônimo de Antônio Garrido.

Poesia de forte cunho telúrico, senão regionalista, para quem praticou tal arte pelo final da década de 20, a ousadia do poeta se revela nos seus versos livres, com uma dicção discursiva e vocabulário numa mistura de requinte e simplicidade. Lamentam ainda hoje os cearenses que a obra poética de Demócrito Rocha não tenha sido recolhida em livro, em edição sistemática e estudo analítico.

Pelo menos um de seus poemas, O Rio Jaguaribe, ganhou foros de imortalidade, aparecendo em várias antologias.

Demócrito Rocha pertenceu à Academia Cearense de Letras, e morreu em Fortaleza no dia 29 de novembro de 1943.

Novo editor de textos

Como colar textos na versão Desktop e Mobile.

DESKTOP:

Ao clicar nos botões você receberá duas informações, para apertar CTRL + V para colar o texto ou CTRL + SHIFT + V para colar o texto sem formatação.

Ao clicar em CRTL + V ou CTRL + SHIFT + V, o seu texto será colado na área de texto.

MOBILE:

Clicar no botão/ícone localizado no menu superior esquerdo, após isso clicar no botão ‹I› e irá aparecer a tela abaixo.

Depois é só clicar em COLAR, e seu texto será colado na área de texto.

Como visualizar a versão desktop no seu celular

FIREFOX:

Para mudar a visão do site para o formato desktop siga os passos abaixo:

  1. Toque no Menu abaixo da tela em alguns dispositivos ou no canto superior direito do navegador) .
  2. Selecione a caixa de seleção, Solicitar como desktop (pode ser necessário tocar primeiro no mais) .

A página irá recarregar e ficará como é exibida no seu desktop.


CHROME:

Ao navegar na Web a partir de seu dispositivo móvel, na maioria dos casos, você será redirecionado para a versão móvel do site visitado. O aplicativo Google Chrome para Android, permite que você visualize a versão desktop de um website. Para fazer isso, siga estes passos:

Abra o aplicativo Google Chrome e o site de sua escolha. Pressione o botão Menu (três pontos quadrados) no canto superior direito do navegador e marque Versão para Desktop.


 SAFARI IOS:

Passo 1. Acesse o site que deseja visualizar a versão desktop. Em seguida, toque sobre o botão “Atualizar”, na extremidade direita da barra de endereços, e mantenha o dedo pressionado por alguns segundos;

Passo 2. A opção “Versão para Computador” aparecerá. Toque sobre ela e aguarde até que o site seja recarregado.

Divulgar Fanfic / Fanfiction

Você sabe a importância de compartilhar a sua Fanfic ou Capítulo?

Vamos lá… O compartilhamento é uma forma de divulgar mais e expandir o alcance das suas publicações. Sempre que criar uma fanfic ou capítulo, utilize os botões de compartilhamento, pois isto vai te ajudar a alcançar mais leitores para a sua fanfic.

Hoje temos inúmeras fanfics, e porque umas tem mais acessos que as outras? A resposta é simples, quem tem mais acesso em suas fanfics utiliza e muito o compartilhamento.

Dica de hoje: Compartilhe sempre!!!

Melhores locais para compartilhar Fanfics / Fanfictions

Você sabe qual a rede social tem mais retorno nos compartilhamentos?

Abaixo está a lista das Redes Sociais que mais tem retorno de divulgação. Está esperando o que para começar a compartilhar?

– Twitter;
– Facebook;
– Goggle+;
– Blogger;
– Tumblr

Quanto em mais redes você compartilhar mais retorno na sua Fanfic / Fanfiction você terá.

Como Escrever uma Fanfic / Fanfiction

Como Escrever uma Fanfic

Fanfiction é o termo usado para designar um tipo específico de ficção utilizando a ambientação ou os personagens de um determinado universo, geralmente como homenagem. Você pode escrever sobre os personagens que mais gosta, dar continuidade à história original ou alterá-la completamente. O público-alvo desse gênero é restrito, mas quem lê o que você cria também é entusiasta do trabalho original. Esse é um jeito divertido e criativo de expressar seu amor por alguma obra de ficção, e as possibilidades são infinitas!

Escrevendo fanfic

Explorando o material original

1 – Escolha a base de seu trabalho.
A fanfiction sempre é baseada em uma obra que já existe, e cabe ao autor da “fanfic” (como é popularmente conhecida) continuar, expandir ou mudar a história original. Todo tipo de obra é homenageada: livros, filmes, séries de TV, novelas, videogames, e diversas categorias, qualquer coisa que tenha uma história. Escolha um universo com o qual tenha intimidade. Os mais populares são as franquias “Guerra nas Estrelas”, “Harry Potter” e inúmeros animes.

Sua escolha fará a maior diferença na história e nos resultados dela. Alguns universos propiciam abordagens mais específicas, mas é importante lembrar que as opções são infinitas. Qualquer coisa pode ser feita a partir do material original, mesmo que isso signifique alterar absolutamente tudo.

2 – Leia a respeito do ambiente da obra de ficção.
A maioria das fanfics envolve ficção científica e fantasia, como “Percy Jackson” ou “Jornada nas Estrelas”. Essas são ótimas opções por se passarem em universos complexos, com muito potencial para extrapolar a história original. Entre na internet e leia tudo o que puder. Mesmo que a ideia de escrever uma fanfic seja fugir do original, é bom saber como ele funciona para alterá-lo apropriadamente.

3 – Leia outras fanfics.
Os melhores conceitos para sua história virão da obra original, mas saber como os outros fãs da série usam esse material é muito valioso. Entre neste site, leia as histórias que já existem sobre o tema e perceba como os escritores o utilizam.

Talvez você se depare com algumas fanfictions virtualmente impossíveis de ler por conta da baixa qualidade. Tente se lembrar de que as pessoas por trás das fanfics são fãs amadores aprendendo a desenvolver um enredo, e os níveis de habilidade variam muito. É necessário praticar para escrever bem e ter paciência para encontrar algo bom.

Planejando a própria história

1 – Decida seu objetivo.
Como as fanfics são muito versáteis, determinar algumas regras para si mesmo antes de meter a mão na massa é importante. A história será longa ou curta? Algumas fanfics viram livros, mas a maioria é composta por contos curtos. Existe todo um debate no mundo dos fãs quanto à extensão ideal de uma fanfiction. A duração da história depende do tema e geralmente é decidida no processo de criação. No entanto, é interessante ter um objetivo claro antes de começar o enredo.

As fanfics mais curtas são chamadas drabbles. Elas devem ter entre 50 e 100 palavras, e a intenção é justamente o desafio de escrever uma história completa em um espaço tão pequeno. Você pode começar por aí para testar suas habilidades sem investir muito tempo.

Existem as fanfics chamadas fluffy, ou “fofinhas”, que costumam ser leves, românticas e engraçadinhas. Além disso, elas são curtas (menos de 1000 palavras) e abordam o personagem a partir de uma vida mundana, não fantástica.

Algumas das fanfics mais elaboradas têm milhares de palavras. Essas costumam ser as mais lidas — o leitor acredita que o final será ótimo, para justificar o tamanho.

Como o estilo da fanfic é essencialmente livre, não é necessário escrever em prosa narrativa. É possível escrever em poesia ou desenvolver uma ilustração do estado mental do personagem em uma determinada cena.

2 – Imagine situações hipotéticas dentro da obra original.
A maior parte das fanfics é baseada em especulação. Seja uma sequência do material ou uma história diferente, tudo começa com o bom e velho: “E se…?”. E se o personagem Fulano morresse (ou não morresse) no começo da trama? O que você acha que acontece depois que os créditos sobem? Esse é o tipo de coisa que você deveria se perguntar durante o planejamento.

Leia o material novamente, se não conseguir pensar em ideias. Se isso não ajudar, leia outras fanfics. Ver exemplos de outros fãs pode inspirar bastante.

Alguns autores se incluem como personagens no enredo, para interagir com os originais. O nome dado a esses personagens é avatar.

3 – Experimente escrever crossovers.
Crossover é o nome dado ao gênero de fanfiction que cruza personagens de universos diferentes na mesma história. Não existem limites para o que pode ser feito entre esses mundos. No entanto, muitos crossovers são ruins porque é necessário ter sensibilidade para misturar universos diferentes em um só. Ainda assim, esse é um estilo muito interessante para escritores criativos.

Por exemplo, mesclar personagens de Percy Jackson e Harry Potter pode render uma boa história.

O crossover é recomendado quando o escritor não consegue se decidir entre uma obra ou outra.

4 – Pense no nível de fidelidade à história original.
Pensar na posição que você assumirá dentro da história é uma ideia bacana. Alguns fãs fazem uma bagunça tão grande com o enredo que o resultado não tem nada em comum, a não ser o nome dos personagens (e olhe lá). Outros tentam ampliar o original mais fielmente. Em geral, não importa o que você decidir, tente se lembrar de que as melhores fanfics preservam ao menos o espírito da obra.

Pense no conceito de verossimilhança. Verossimilhança é o que diz se algo é aceitável como real dentro daquele universo fictício. Descrever o Han Solo do Guerra nas Estrelas como um herói com capa e espada é verossímil, mas dizer que ele é fã de Chaves não é.

5 – Escreva um esboço.
Um bom rascunho pode fazer toda a diferença em uma fanfic. Embora isso pareça sério demais para um hobby tão divertido, saber onde a história pode chegar ajuda a reduzir o bloqueio criativo, tornando a produção mais fluida.[7] Muitas obras de ficção usam um arco dramático parecido. Elas podem ser divididas em:

Introdução: o começo deve ambientar o leitor razoavelmente bem e mostrar as motivações e ações dos personagens principais.

Complicação: algo acontece para estabelecer o protagonista como herói da trama. Em geral, é o antagonista que contribui para isso, mas nem sempre. O resto da história costuma ser o herói tentando estabelecer a ordem novamente.

Meio da trama: essa parte é onde o mundo fica mais evidente, os relacionamentos entre os personagens são intensificados e os riscos aumentam gradualmente.

Clímax: antes de chegar ao desfecho, há um momento em que o personagem enfrenta o conflito mais problemático, aparentemente indissolúvel. Provavelmente, você se lembra de uma porção de filmes em que isso acontece.

Desfecho: o momento em que o protagonista triunfa. Ele costuma acontecer logo depois do conflito decisivo e se mantém até o final. Pode ocorrer uma revelação da trama seguida da solução final do enredo.

6 – Refine o enredo.
Agora que o esboço existe, será mais fácil descobrir se a história funciona. Antes de começar, leia o que já escreveu e encontre pontos que possam ser excluídos ou explorados. A originalidade de uma obra costuma aflorar durante a edição, que é momento de rever as coisas que não estão de acordo com seu gosto. Lembre-se de que a trama é a parte mais importante da ficção casual. Mesmo que suas habilidades de escritor não sejam incríveis, é possível atrair a atenção de leitores se a história for intrigante.

 Escrevendo uma obra-prima

1 – Apresente a ação logo de cara. Pode apostar que qualquer leitor da história tem tanta intimidade com o universo utilizado quanto você. Descrever detalhes da história original não prenderá a atenção de ninguém. Prefira começar com as ações que chamarão a atenção e farão com que as pessoas queiram engolir o próximo parágrafo.

É claro que a descrição é importante para estabelecer a situação, mas a tendência é exagerar nessa etapa — resista à tentação! As descrições devem ser breves.

2 – Faça referências à obra original.
Quando você for acometido pelo bloqueio criativo ou se começar a travar na continuidade da saga, ler e curtir suas partes preferidas da obra original pode ajudar. Provavelmente, você já menciona partes do universo para obedecer à verossimilhança, mas visitá-lo esporadicamente também é útil para relembrar detalhes. As melhores fanfics são geradas pelo amor ao original e por uma criatividade inerente. Por isso, adquira o hábito saudável de voltar sempre às páginas da obra para curti-las novamente.

Você terá mais noção de como seu trabalho combina (ou destoa) do original em diferentes partes do processo de escrita, principalmente quando ler a obra principal novamente. Como você pensará bastante nela para escrever a fanfic, será cada vez mais fácil captar os detalhes.

3 – Seja fiel aos personagens.
Embora a ambientação e a história em si possam ser alteradas com liberdade, nem todos os leitores gostam de grandes mudanças em suas personagens favoritas. Elas são mais do que meras imagens! Mesmo que você deva obedecer a seus instintos criativos, já que decidiu mudar aspectos-chave da personalidade delas, mude logo os nomes também. Tenha em mente que alterar a base do personagem é completamente diferente de evoluí-lo com a história.

Um exemplo de fanfic em que uma mudança radical do personagem funcione é o universo paralelo. Inspirado no episódio de “Jornada nas Estrelas” passado em um universo alternativo, você pode escrever uma história que aconteça em um universo espelhado, onde os personagens sejam versões bizarras dos originais. Adicionar uma barba ou um bigode para evidenciar a maldade deles pode ser divertido, mas não é necessário.

4 – Escreva todos os dias.
A criatividade começa a fluir quando se trabalha em um projeto diariamente. Escrever é um exemplo clássico disso, já que você pensará no que será escrito com regularidade. Escolha um horário para isso todos os dias e cumpra-o o máximo que puder. Pode ser na hora do almoço ou depois do expediente. Quando perceber, já terá páginas e páginas de um trabalho para chamar só de seu.

Muitos escritores gostam de escutar música quando escrevem, para se inspirarem na ambientação. Por exemplo, para uma fanfic baseada em Star Wars é uma ótima ideia escutar a trilha sonora do original, composta e orquestrada por John Williams. Isso ajudará a entrar no universo.

A maioria das fanfics tem menos de 1000 palavras, mas é recomendável tentar algo mais longo. As histórias mais duradouras dão mais oportunidade de explorar os personagens, cenários e temas.

5 – Edite o trabalho.
Essa é uma parte fundamental de qualquer trabalho escrito. Se você quiser que a fanfic seja levada a sério, aceite esse fato. Leia novamente o que você escreveu e veja onde pode melhorar, retire partes desnecessárias para o enredo e adicione informações que possam ajudar o leitor a entender algo.

Mostrar o texto para um amigo também pode ser muito útil. Consiga uma resposta antes de investir tempo na edição. Talvez ele aponte o que precise de aperfeiçoamento, principalmente aquelas partes que só precisem de um floreado.

6 – Escreva com consistência.
Escrever fanfics é antes de tudo um aprendizado, e você provavelmente verá sua evolução à medida que o trabalho avançar. No entanto, é importante que o leitor sinta linearidade e consistência, seja nos termos de narração ou na qualidade da escrita. Separar um tempo para editar o início e nivelar a história é uma ideia bacana, principalmente se achar que mudou demais a história ao longo da trama.

Divulgando o trabalho

1 – Publique a história em um site de fanfics.
As fanfictions têm uma base de fãs muito ampla. Existem diversas comunidades onde você poderá publicar o que escreveu. No Fanfics Brasil você encontra uma lista extensa com diferentes categorias e gêneros. Faça uma conta e encontre a categoria onde a história original de enquadra.

2 – Envie o trabalho para editoras.
Nenhuma fanfic é escrita para fins lucrativos, essa é uma regra de ouro da comunidade. Os direitos autorais protegem os autores da obra original de serem copiados ou plagiados, mas algumas editoras estão começando a gostar da ideia de publicar os trabalhos dos fãs. Embora você precise escolher uma editora que detenha os direitos autorais do escritor, ter seu trabalho aceito por ela pode significar uma continuação da história, contanto que o princípio da verossimilhança seja respeitado.

Os escritores de fanfic que almejam sucesso comercial podem simplesmente mudar os nomes dos personagens e dos lugares. A trilogia “50 Tons de Cinza” era originalmente uma fanfic.

3 – Conecte-se com outros escritores.
Se você estiver começando a escrever com seriedade, o melhor a fazer é se relacionar com outros apaixonados por essa arte. Os sites mencionados neste artigo serão ótimos para isso. Você receberá dicas valiosas para melhorar suas habilidades e talvez consiga até ajuda na divulgação de seu trabalho — se os leitores gostarem o suficiente, é claro. A regra é clara: se você dá retorno sobre o trabalho de alguém, conseguirá retorno sobre o seu também.

A melhor ajuda virá dos fãs da mesma série que você utilizou para basear a obra.

Dicas

  • Mesmo que você não se interesse por escrever fanfics, lê-las é bastante divertido.
  • As fanfictions não se limitam à prosa narrativa. Você pode escrever um poema supostamente escrito pelo protagonista, por exemplo.
  • Se você quiser escrever fanfics para si mesmo, sinta-se à vontade para não seguir nenhuma regra.
  • Caso se preocupe com direitos autorais, faça uma “Declaração de Direitos Autorais” no final do texto.
  • Quando o arco dramático do herói for muito parecido com a maioria das histórias, comparar o que você escreveu com o original será muito útil.
  • Muitas pessoas preferem escrever em estilo livre e sem planejamento, mas isso favorece o bloqueio criativo, e os leitores podem abandonar a leitura. O ideal é escrever com antecedência, com tempo para revisar e editar o documento, e só depois publicá-lo por partes. Pedaços pequenos e intrigantes são mais interessantes e cativam o leitor.

Se animou a escrever? Crie sua conta agora e comece a escrever.

Como adicionar uma nota na Fanfic?

1 – Digite o texto que você queira tornar um nota e selecione este texto

nota

2 – Clique no ícone “Citação em Bloco”, conforme mostra a imagem abaixo.

nota

3 – Após clicar no ícone, você verá que o texto efetuou um recuo.

nota

4 – Publique o seu capítulo e veja o resultado.

nota

Como inserir vídeo do Youtube na Fanfic?

1 – Clique no ícone do Youtube.

Youtube 1
Youtube 2

2 – Digite o link do vídeo ou apenas o código do vídeo, conforme exemplo da imagem abaixo.

3 – Selecione um dos dois tamanhos pré-definidos, 560×315 ou 640×360.

4 – Clique em inserir. Pronto seu vídeo está na fanfic, agora é só publicar e conferir.

Como aumentar as visitas nas suas Fanfics?

Quer saber como aumentar as visitas nas suas Fanfics? Divulgue no twitter, no facebook, no orkut, divulgue na maioria dos locais que você acessa. Ao postar um capítulo, existe umas ferramenta para divulgar o capítulo nas redes sociais.

Somente divulgando a sua Fanfic é que você obterá um maior número de acessos. Só depende de você.

Você escreve bem, sua fanfic tem um tema interessante, mas se ninguém sabe que ela existe você não terá acessos e o reconhecimento que merece.

Esta é nossa dica, já tem gente usando e ganhando acessos.

Fanfics Brasil.